Itapoá é uma praia situada na divisa norte de Santa Catarina, região muito bela que atrai turistas o ano todo. Parte desses turistas são os pescadores, que cada vez mais, vem à procura de uma boa opção de pesca, e aqui encontram bons pesquerios. Nesta viagem optamos pela modalidade de pesca de praia, onde a algum tempo já haviamos feito boas pescarias, mesmo sem a colaboração do tempo fomos tentar novamente.

Com o mar muito bravo e o tempo feio partimos inicialmente para barra do rio Saí Mirim, ótima opção para quem deseja pescar com iscas artificiais, rio com muitas estruturas e água escura de mangue. Logo no inicio ficou claro que bagres de bom tamanho seriam o mais pescado naquele dia. Porém mesmo dentro do rio foram capturadas algumas outras espécies como papa-terra por exemplo. Nosso maior interesse era pegar o carapicu (escrivão), mas com a água muito suja devido as chuvas eles simplesmente desapareceram.

Na segunda parte da pescaria, saímos em direção à praia para encontrar algum buraco onde fosse possível pescar um peixe diferente, porém era mesmo dia dos bagres, e mais algumas peças foram capturadas. O mar muito bravo prejudicou nosso dia, não estavamos preparados para tamanha força da maré, chumbo de 120grs com linha 0,20 estava correndo muito.

Apesar da pescaria não ter sido uma das melhores, passar novamente por Itapoá valeu muito, sugiro para quem não conhece ainda visitar a barra do rio Saí Mirim, é lindo, ainda mais quando a maré está enchendo. Outra dica é de não tentar atravessar o rio pelo canal, pode parecer baixo e fraco, mas é fundo e forte, vários pescadores e turistas já passaram por algum aperto tentando atravessa-lo.